Orando Com Poder (Parte 1)

ORANDO COM PODER (Parte 1) Por Markus DaSilva, Th.D. - Semeadores Da Palavra

Por Markus DaSilva, Th.D.

Deus é supremo. A supremacia de Deus se estende a absolutamente tudo. Isso significa na prática que nada ocorre no universo físico e espiritual que não esteja dentro da esfera de controle do Senhor. Tudo o que ocorre é porque Deus quer que ocorra; tudo o que não ocorre é porque Deus não quer que ocorra: “Tudo o que o Senhor quer, ele o fez, nos céus e na terra, nos mares e em todas as profundezas” (Sl 135:6). Bem simples.

Quando a Palavra nos diz que se pedimos alguma coisa a Deus devemos fazê-lo de acordo com a Sua vontade (1Jo 5:14), é porque na realidade apenas aquilo que já existiu, que existe, e que existirá faz parte da vontade de Deus (Isa 14:24). Se imaginamos algo (e pedimos em oração) fora da vontade de Deus, então estamos pedindo por algo impossível. Não impossível porque Deus não possa fazê-lo, mas sim porque Ele não quis fazê-lo. Esse pedido não será atendido (2Co 12:8-9). Se fosse possível algo ocorrer, ou existir, fora da vontade de Deus então esse algo seria independente de Deus, mas sabemos muito bem que nada existe a menos que Ele queira que exista (Joa 1:3; 1 Co 8:6). Lembremos que até os anjos caídos só existem porque assim Deus o quis (Col 1:16).

Esse conceito pode ser difícil de entender para alguns, mas o fato é que aumentamos muito a nossa fé quando conversamos com Deus sabendo que se pedimos alguma coisa dentro da Sua vontade não existe a menor possibilidade de recebermos um não, uma vez que o que pedimos já foi feito (Mar 11:24).

A lição que tiramos dessa verdade é que precisamos conhecer a boa vontade de Deus para que saibamos o que pedir e para que todos os nossos pedidos sejam atendidos. Jesus foi a pessoa que mais sabia qual era a vontade de Deus e é por isso que tudo o que Ele queria acontecia. Aqui, volto ao ponto da intimidade com o Senhor mencionado no texto anterior (1Jo 3:22). Você tem andado continuamente com Deus? Tem sido fiel a tudo aquilo que Ele lhe pede? Assim como foi com Jesus, é a sua maior alegria obedecer ao Pai? Se o Senhor permitir, na segunda parte deste texto falaremos sobre um atributo divino que nos ajudará nas orações: a bondade de Deus. Espero te ver no céu. —Markus DaSilva