Vivendo Em Terras Invadidas (Parte 1)

Vivendo Em Terras Invadidas (Parte 1) - Por Markus DaSilva

Por Markus DaSilva, Th.D.

Recentemente escrevi um artigo sobre o coração. Nele, expliquei que muito embora não temos como controlar de uma forma direta o nosso coração, podemos direcioná-lo através da mente. Como ilustração, usei o barco, o vento e a vela. Quando queremos navegar para um determinado porto, precisamos do vento, que é o nosso coração. Mas a direção do vento raramente nos favorece; muito pelo contrário, o mais comum é esse vento soprar num sentido bem oposto ao nosso destino (Jer 17:9). A vela, nesse caso a mente, é a maneira pela qual forçamos o vento a nos impulsionar até onde queremos chegar (Rom 12:2).

“Uma boa parte dos sofrimentos que passamos são eliminados quando começamos a bloquear tudo o que polui a alma. “

Como vivemos em terras invadidas por Satanás e seus anjos caídos, as forças espirituais que nos cercam conspiram para a nossa destruição (Jó 1:7; Efe 6:12). No nosso dia a dia, tudo o que entra na mente fica arquivado, e quando necessário será usado pelo adversário para nos derrubar (2Co 2:11). Alguém ingenuamente poderá crer que muitas coisas são neutras, mas eu categoricamente afirmo que não. Quando se trata da maior batalha do universo, a batalha pelas almas, praticamente nada é neutro (2Co 4:4).

Contra nós, o inimigo usará cada cena em um filme, seriado, novela, noticiário ou videogame; cada livro lido, cada show, cada letra de música, cada ritmo… tudo isso, e muito mais, servirá como arma para nos causar desânimo, ansiedade, depressão, dúvidas, e finalmente nos destruir (1Pd 5:8). Acreditem, não existe neutralidade nessa guerra (Mat 12:30).

Ao nosso favor, o Espírito Santo usará a oração constante, o jejum regular, a leitura da Palavra, o sacrifício do eu, o silêncio, a meditação, e a imitação de Jesus (Fil 2:15; Efe 5:1).

Muitos nos relatam os problemas que enfrentam. Deixem-me enfatizar que uma boa parte dos sofrimentos que passamos são eliminados quando começamos a bloquear tudo o que polui a alma. Muitas lágrimas são evitadas quando assumimos uma posição ofensiva contra o inimigo através de uma mente santificada (Rom 12:2).

Amados, nossos irmãos estão perdendo a batalha para o inimigo por motivos fúteis. Estão trocando a fonte de água viva por poços de lama podre (João 4:14; Jer 2:13). Dizem que querem ser feliz e subir com Jesus, mas não estão sequer dispostos a desligar uma televisão, desconectar um computador ou abandonar certas amizades e ambientes. Imploro que não sejam como eles, mas pelo contrário, se fortaleçam cada vez mais nesta guerra se tornando um com Cristo em todo o seu viver (João 17:21). Espero te ver no céu. —Markus DaSilva