Arquivo da tag: Ofertas

(Parte 2) As 12 Táticas de Satanás Contra o Cristão – Satanás e a Substituição da Obediência Pelas Atividades Religiosas.

Estudo Bíblico - Satanás e a Substituição da Obediência Pelas Atividades Religiosas.

Por Markus DaSilva, Th.D.

Todos nós cristãos praticamos atividades que estão ligadas à nossa fé. Refiro-me a todas as coisas que fazemos regularmente e que são importantes para o nosso crescimento espiritual individual e para o avanço da obra de Deus como um todo. Com o tempo, desenvolvemos a nossa rotina cristã semanal. Algumas destas atividades inclui os dias de cultos, as nossas funções na igreja, as reuniões administrativas, pequenos grupos e células, escolas bíblicas, encontros, programações especiais… e muito mais. Além das atividades em grupo, também tem tudo aquilo que fazemos para o Senhor a sós e com os nossos familiares. Não consigo imaginar um cristão que não tenha as suas atividades religiosas pré-determinadas. Certamente que a minha família e eu, assim como vocês, temos a nossa rotina para tudo o que fazemos que é voltado exclusivamente para a nossa fé em Jesus.

Leia mais »

O Que Deus Quer de Nós?

O Que Deus Quer de Nós? - O Homem Carnal -  Por Markus DaSilva

Por Markus DaSilva, Th.D.

O que Deus quer de nós? Teólogos e filósofos debatem essa pergunta por séculos. Uma grande parte dos cristãos crê que existe uma lista personalizada, dada por Deus, que serve como uma espécie de guia de como agradá-lo (não estou me referindo à Bíblia). Também se entende que essa lista imaginária é bastante flexível, podendo variar não só no seu tamanho, como também na sua rigidez. Por exemplo, para alguns, deve-se ir à igreja pelo menos duas vezes por semana, enquanto para outros, apenas em ocasiões especiais, e ainda para outros, congregar nem consta nesta lista. Essa mesma flexibilidade é também observada nas ofertas, leitura da bíblia, oração, músicas, entretenimentos… etc. Cada um possui a sua lista e cada um procura na medida do possível obedecê-la. Se algo nessa lista começa a incomodar, basta editá-la até que fique aceitável, pois, como já disse, tudo isso é adaptável. Obviamente a implicação é que se a lista é flexível, se os seus itens são adaptáveis à conveniência de cada um, o autor dessa lista, Deus, também o é.

Leia mais »